especial Chile, 11 de setembro de 1973 | Apresentação

especial Chile, 11 de setembro de 1973 | Apresentação
O Palacio de La Moneda, sede do governo chileno, é bombardeado (Foto: Biblioteca Nacional de Chile)

 

Que memórias deixa um golpe de Estado?

Na manhã de 11 de setembro de 1973, a junta militar encabeçada por Augusto Pinochet ordenou o cerco ao Palacio de La Moneda, no centro de Santiago. A investida golpista resultaria na morte do presidente Salvador Allende e no início de uma ditadura que se estenderia até março de 1990.

Coordenado pela socióloga Maria Lygia Quartim de Moraes, este especial revisita os dias de tensão e incerteza de um país sob estado de sítio, rememora fugas e prisões, mas também recupera a memória de um Chile que, com Allende, construía uma experiência de socialismo democrático ainda hoje referência na história e nos anseios da esquerda latino-americana.


> Assine a Cult. A mais longeva revista de cultura do Brasil precisa de você. 

Deixe o seu comentário

Fevereiro

TV Cult