Rui Knopfli – Antologia Poética

Talvez por não aderir ao discurso explicitamente político, o moçambicano Rui Knopfli (1932-1997) teve uma existência poética mais discreta, com uma obra reconhecida apenas postumamente. A relação afetiva com a cultura africana, no entanto, é bastante presente nos poemas, assim como a preocupação com a própria escrita – e a presença da poesia por entre … Continue lendo “Privado: Rui Knopfli – Antologia Poética”

Em Defesa das Causas Perdidas

Um dos mais polêmicos pensadores atuais, Slavoj Zizek investiga o cerne das chamadas políticas totalitárias do passado, oriundas do que se convencionou nomear de causas perdidas. Examinando o terror revolucionário de Robespierre, dos bolcheviques e da Revolução Cultural de Mao Tsé-tung, o autor argumenta que, apesar de essas lutas terem resultado em fracassos históricos, havia … Continue lendo “Privado: Em Defesa das Causas Perdidas”

A TV digital pode nos libertar do apartheid

O público será o último a saber. Quem decidirá a respeito de mais programas e interatividade serão as emissoras Laurindo Lalo Leal Filho No final dos anos 1980, anunciava-se no Brasil a chegada da televisão por assinatura. Dezenas de canais seriam oferecidos ao público, rompendo os estreitos limites da televisão aberta, único modelo de transmissão … Continue lendo “A TV digital pode nos libertar do apartheid”

Choque de aparências

Obra-prima de Henry James expõe embate ideológico entre a experiência europeia e a banalidade do capitalismo americano

Um padrão de qualidade

Fernando Barbosa Lima, o criador de tantos bons programas da nossa TV, fala sobre passado, presente e futuro da telinha Fernando Barbosa Lima é um nome que equivale dizer televisão. Aos 73 anos e cinqüenta e tantos de carreira, tem no seu portfólio mais de 100 séries de programas como Preto no branco, Abertura, Jornal … Continue lendo “Um padrão de qualidade”

Paisagens Críticas – Robert Smithson: Arte, Ciência e Indústria

O autor investiga questões fundamentais da filosofia e da ciência, com base no estudo dos fenômenos geofísicos dinâmicos. Escolheu a obra de Robert Smithson (1938-1973) como mote, pois o artista é um dos que mais se relacionaram conceitual e operacionalmente com a mineração e as questões urbanas e ambientais, contribuindo com a consolidação de abordagens … Continue lendo “Privado: Paisagens Críticas – Robert Smithson: Arte, Ciência e Indústria”

A ética, a linguagem e a guerra de audiência

Por quem pensa e faz a TV brasileira A Cult ouviu profissionais e estudiosos da comunicação com relação à ética, evolução da linguagem, guerra de audiência e o futuro do veículo com a possível entrada da TV digital e da criação de uma emissora federal. Abaixo, você acompanha depoimentos de Silvio de Abreu, Nelson Hoineff, Vladimir … Continue lendo “A ética, a linguagem e a guerra de audiência”

Como Funciona ?a Ficção

Quando o assunto é o fazer literário, vale desconfiar de títulos neutros e pretensões de abrangência. Em Como Funciona a Ficção, o britânico James Wood propõe-se a responder com objetividade algumas perguntas clássicas: O que é um personagem? O que é ponto de vista? Como definir uma metáfora? Em precisas leituras de autores consagrados, analisa … Continue lendo “Privado: Como Funciona ?a Ficção”

Da aldeia à Teia global

A questão que Marshall McLuhan ainda nos apresenta refere-se ao impacto
que uma tecnologia pode trazer aos padrões sensoriais e aos modos de produção
de subjetividades, sejam individuais, sejam coletivas, em uma dada sociedade

Transformações semióticas no espaço social

Na história da cultura ocidental, o trabalho dos códigos define não apenas estados de cultura; é pelos códigos que são identificados os instrumentos de controle sociocultural e político

Setembro

TV Cult